Frank Matos Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Deificação

A vingança pertence ao Eterno

  O indivíduo sábio demonstra a capacidade de reconhecer aqueles que o prejudicaram, mas não busca vingança. Em vez disso, ele confia a situação à Theosis , entregando-a nas mãos do Dominus Deus Sabaoth . Isso ocorre porque a justiça divina preconiza que o correto é retribuir aos outros de acordo com os preceitos divinos. Dessa forma, o sábio observa como o ímpio, mesmo sem estar ciente de que o sábio tem conhecimento de sua transgressão, enfrenta as consequências de seus atos, uma vez que a prerrogativa de vingança reside com Iahweh . É importante ressaltar que o verdadeiro seguidor cristão opta sempre por responder ao mal com o bem, pois esta é a vontade do Eterno. Que a misericórdia divina esteja conosco! 🙏🏻

A Comunhão Espiritual

  A Profunda Significância da Comunhão Espiritual na Vida Cristã A comunhão espiritual, um conceito profundamente enraizado na teologia tomista e na fé católica apostólica romana, tem sido um pilar essencial na vida devocional de muitos fiéis. Santo Tomás de Aquino, um dos pilares da filosofia e teologia, definiu a comunhão espiritual como um desejo ardente de receber Jesus Cristo sacramentalmente. Esta prática, elogiada pelo sagrado Concílio de Trento, assume uma importância inegável na busca pela proximidade com Cristo. O relato de experiências místicas, como o episódio de sóror Paula Maresca, fundadora do convento de Santa Catarina de Senna em Nápoles, reflete a manifestação divina em relação à comunhão espiritual. Jesus Cristo apresentou a ela dois vasos preciosos, um de ouro contendo suas comunhões sacramentais e outro de prata abrigando as espirituais. Isso ilustra a apreciação divina por essa forma de comunhão, onde o desejo sincero de se unir a Ele é considerado de igual valor.

A Percepção Direta de Deus e a Jornada da Vida Interior

  A Percepção Direta de Deus e a Jornada da Vida Interior No cerne da fé e da busca espiritual, reside o mistério da percepção direta de Deus, uma visão que transcende as capacidades naturais de toda inteligência criada, seja angelical ou humana. Enquanto as inteligências criadas são capazes, por sua própria natureza, de perceber Deus através do reflexo de Suas perfeições na ordem criada, a visão direta de Deus em Sua essência está além de sua capacidade intrínseca. Anjo e alma humana atingem o conhecimento sobrenatural de Deus e um amor divino sobrenatural somente quando são agraciados com o enxerto divino - a graça habitual ou santificante - que os torna capazes de operações divinas. Essa graça é a participação da natureza divina e vida íntima de Deus, conferindo a capacidade de ver Deus diretamente como Ele Se vê e amá-Lo como Ele Se ama. A deificação da inteligência e da vontade exige a deificação da própria alma, uma transformação profunda da essência da alma. Essa graça, quando p

Autores do blog

Minha foto
Frank Matos
Apenas um estudante de Filosofia e Teologia, pois através dessas ciências busco a verdade e o fim último do homem, a saber, Deus.

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Estatísticas